06/08/2012

As Crônicas de Spiderwick: A Ira de Mulgarath - Tony DiTerlizzi & Holly Black

As Crônicas de Spiderwick: A Ira de Mulgarath
Tony DiTerlizzi & Holly Black
Editora Rocco
160 páginas


Em "A Ira de Mulgarath", a missão das crianças é vencer o exército de goblins do maldoso Mulgarath, um ogro falso e cruel. As estranhas e nojentas criaturas de seu exército viraram a casa da família de cabeça para baixo e capturaram sua mãe. E o pior: Mulgarath roubou o livro mágico de Arthur Spiderwick e deseja tornar-se o mestre do mundo. Com a ajuda do gnomo Tibério, do desajeitado Gritalhão e outros seres encantados que povoam a história, conseguirão Jared, Simon e Mallory triunfar sobre as forças do mal e fazer com que o precioso guia de campo seja usado para o bem de todos?  

Depois de um ano (literalmente), eu terminei de ler esta  série. E o final foi totalmente incrível. 

Acho que depois de muito tempo, eu adquiri um certo gosto por livros diferentes e um pouco mais adultos, por conta disso achei esse livro  bem pequeno e "bobinho". As coisas acontecem bem rápido e de uma maneira muito simples e fácil e a conclusão não é lá bem complexa. É claro, estamos falando de um livro infantil, mas mesmo assim poderia ter um final mais completo.

Mas mesmo assim é impossível não se encantar com o mundo que os autores criaram. Além de uma escrita leve, temos ilustrações magníficas que ajudam na hora de imaginar as cenas. 

Por ser infantil a leitura é bem rápida, já que as descrições são simples e com uma letra grande. A quantidade de ilustrações também ajudam que a leitura seja rápida e você acaba lendo em um dia. 

Como eu disse em resenhas dos livros anteriores da série, o filme que foi adaptado para cinema resume os 5 livros e traz uma história incrível, mas mesmo fazendo uma adaptação fiel dos dois primeiros livros, os seguintes ganharam apenas um pequeno espaço no filme. Uma adaptação que não foi tão fiel, mas ficou muito boa e dá para dar um desconto se houve infidelidade.  

Os autores criaram um universo único, diferente de tudo que já foi feito. Uma história que tem um caráter único e pode encantar crianças durante geração. A série vale a pena ser lida e é ótima para poder esquecer um pouco esse mundo adulto e voltar a infância. Leiam e assistam ao filme, vale a pena.

Um comentário:

Lucas Carvalho disse...

eu cheguei a ver o livro esses dias atrás, e posso garantir que realmente é lindo, as ilustrações são muito bacanas, claro né, só poderia ser do Tony DiTerlizzi, o gênio que também ilustrou o mais recente livro: Em busca de Wondla.

Eu já vi ao filme, e confesso que já tive interesse de ler os livros, mas nunca surgiu a oportunidade, acho até que tenho no meu computador, mas nunca cheguei a ler.

Apesar que ler pelo computador e ler os livros tem uma grande diferença.

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team